Os 8 níveis de reconhecimento de um Programador!

Paulo Carinhena

Sou desenvolvedor de sistemas (Trabalho com Visual Studio 2010, Oracle, Sql Server, Firebird, PostGre e Mysql) e Administrador de rede em ambiente Windows, com mais de 10 anos de experiência em mercado.

You may also like...

1 Response

  1. Rael Max disse:

    Ótimo texto, Paulo.

    Também tenho essa dúvida, e até hoje só consegui perceber o que eu não quero ser: Funcionário do governo e funcionário de empresas anônimas. Talvez se eu encontrar um sócio maluco com tino para negócio eu monte uma empresa, até lá quero ir fazendo a diferença da forma que posso.

    Lembro de algum tempo atrás ter lido um texto chamado “Escreva menos código” ou algo assim, que dizia que a maioria dos grandes programadores não foram aqueles que se dedicaram a escrever códigos pela vida inteira, mas sim os que escreveram livros ou optaram por áreas co-relacionadas a TI.

    =)

    Unknown Unknown Unknown Unknown

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>